sexta-feira, 24 de janeiro de 2014

Animais abandonados

Há semanas que este bichinho anda deambulando por aqui.
Toda a gente que passa por ele lhe faz uma festa, a quem lhe dê comida e água, mas alguém que o leve para casa é uma coisa que está mais difícil.

A 2 dias , enquanto estava ao balcão, entrou sorrateiramente e deitou-se na cama (sim, porque aqui a menina trabalha numa loja de decoração).
Dei conta porque começou a miar, e me levantei para ver se estava a porta.
Assustado saiu a correr, mas ficou no tapete da loja.
Porque estas coisas me partem o coração, procurei uma caixa e coloquei num lugar abrigado para ele poder ir para lá.
Quando fui para casa, ficou no mesmo sítio. De manhã já não se encontrava lá.



Ontem, porque recebeu carinhos no dia anterior, regressou para me pressionar.
Desta vez ficou mesmo de frente para a loja a fazer-me pressão.
5 minutos depois porque alguém passou a porta, desapareceu.


Faz-me confusão saber que existem pessoas mesmo ruins, capazes de abandonar assim um animal.

Adenda: É impensável poder leva-lo para casa. Até porque com 5 cães em casa, torna-se muito complicado.

8 comentários:

Flor Guerreira disse...

Eu tenho uma Mimi assim, tal e qual. É uma ternura.

Manu disse...

Apesar de não o puderes levar, tiveste um gesto de carinho e protecção e isso é louvável. Pode ser que volte ou que tenha dado uma escapadela e regressado a casa. Fico chocada quando sei que alguém tem coragem de abandonar os animais.
Bom fim de semana

Beijos Katya

Nada disse...

Dói tanto não os poder trazer a todos para casa. Mas nem sempre é possível. Chega a Janeiro é sempre o mesmo com o abandono de animais...

cosmos disse...

Existem pessoas ruins é uma conclusão precipitada diante do contexto. Os gatos sempre conseguem sobreviver melhor que os cães, têm instintos felinos.

Se te preocupa tanto vê o que podes fazer. Tens de o capturar ou adoptar. Pode ser um gato SUMIDO de um dono saudoso! Mas para colocar anúncio no jornal há que capturar e assegurar que ele não escapa...

S* disse...

Ai credo, que dor de alma. Contacta uma associação.

Lacorrilha disse...

Tenta na Arca de Noé. Tira-lhe fotografias e colocas lá, pode ser que alguém o queira adotar!

Mrs. BlueBerry disse...

Tão lindo, é parecido com o meu. Parte-me o coração saber que há gente que tem coragem de abandonar um animal de estimação, um membro da familia. E se ele é meigo e está bem tratado é porque tinha uma familia, estava habituado a receber mimos :(

Bj*

XL disse...

É a doca de Faro lá ao fundo?