terça-feira, 9 de abril de 2013

Peripécias de uma condutora desastrada!


Ontem "atropelei" um gato suicida.

Acreditem que não fiz com intenção, e ainda me tentei desviar e tudo (correndo o risco de ter um acidente), mas ele foi bem mais rápido do que eu. 

Nos km seguintes fui a "pânicar" (se é que essa palavra existe) até casa.
Resultado, o gato depois de ter ficado atordoado, deve ter-se levantado e seguido o seu caminho pois não ficaram vestígios na estrada. 
Quanto ao meu bolinhas, uma grelha do para-choques saltou (coisa que o paizinho compôs) e ainda fiquei com este rachado (não que se note muito mas eu sei que está lá). 


Pior disto tudo era o bichinho ser preto. 
Ok, liguei ao meu par de calças e o que me disse foi: "Benze-te 3 vezes". 
Ok, ok, eu benzi, não vá o A--R bater mesmo a porta.

5 comentários:

Pretty in Pink disse...

Aiiii com o amor que tenho a bichanos acho que não dormia uma noite inteira só de pensar que tinha magoado o bicho =/ Mas eles também só se põem onde não devem...

Beijinho*

S* disse...

Poça. Lamento pelo carro, mas fiquei foi a pensar no gatinho.

Bárbara C. disse...

Eu tenho tanto medo que isso me aconteça, acho que se algum dia me acontecer nem vou conseguir conduzir.
R: Ahah sim, já estou convencida que a minha altura está bem assim ^^

paranoiasnfm disse...

Uii.... gatos pretos ainda por cima! Mau...
Deixam uma pessoa a matutar. lol
O gajo safou-se, já o pára-choques, não teve a mesma sorte. lol

Bjs

R. del Piño disse...

A-R?!?